Marketing Digital

Entenda o que é e como funciona a realidade aumentada

12 Junho, 2018 |
Search

As possibilidades são cada vez mais abrangentes e, por isso, vamos explicar como a RA funciona e pode ser aplicada. Antes, porém, é importante destacar as diferenças com a Realidade Virtual. Confira!

É muito provável que já tenha ouvido falar em Realidade Aumentada (RA), certo? Para não restar nenhuma dúvida, vamos começar por entender o conceito de forma clara, direta e precisa. Trata-se de uma tecnologia que projeta conteúdos, como personagens, gráficos e imagens, no mundo real.

Um exemplo de RA que fez muito sucesso no mundo é o Pokémon Go. O jogo mostra os personagens virtuais que devem ser capturados no espaço em que o utilizador está a jogar. É como se as criaturas estivessem, de fato, dentro do ambiente. Isso significa que a Realidade Aumentada proporciona uma nova visão do espaço físico, criada através de uma combinação com o mundo virtual.

Obviamente, vai muito além dos jogos. Através da tecnologia, é possível, por exemplo, ver a planta de um apartamento em 3D, simular procedimentos médicos e aproximar conteúdos de estudantes.

As possibilidades são cada vez mais abrangentes e, por isso, vamos explicar como a RA funciona e pode ser aplicada. Antes, porém, é importante destacar as diferenças com a Realidade Virtual. Confira!

Realidade Aumentada x Realidade Virtual

É muito comum que as pessoas confundam Realidade Aumentada e Realidade Virtual. Elas são diferentes e precisamos deixar isso muito claro. A primeira inclui projeções de conteúdos e outras informações no mundo físico. Já a a segunda, leva as pessoas para um novo ambiente criado através do computador.

E-book Como Divulgar o Meu Negocio PT | E-goi

As duas tecnologias precisam de algum intermediário para serem acedidas, que pode ser um acessório ou aplicação, mas as experiências dos utilizadores são distintas. A Realidade Virtual substitui tudo que a pessoa vê através de um conteúdo totalmente virtual.

É possível entrar em jogos e em cenários turísticos, por exemplo, e movimentar-se entre eles. A conexão é feita através do Óculus Rift para que o utilizador se sinta totalmente absorvido no novo cenário.

Já a Realidade Aumentada adiciona conteúdos ao mundo físico. Além do Pokémon Go, um outro exemplo são os filtros do Instagram Stories, com animações que se sobrepõem à imagem ou vídeo captados.

É possível, também, usar a tecnologia em locais turísticos. Usando um smartphone, o visitante pode obter mais informações e conhecimentos sobre um espaço ou uma obra. E, como dissemos, os usos são diversos.

Agora que vimos as diferenças entre a Realidade Aumentada e Realidade Virtual, vamos explicar como a RA funciona e como pode ela ser aplicada.

Como a Realidade Aumentada funciona

Agora quejá sabe o que é Realidade Aumentada e as suas diferenças em relação à Realidade Virtual, é importante destacar como ela funciona. É muito simples: tudo acontece através de um software, de um marcador no espaço físico e do GPS.

Para dar um exemplo, podemos falar do QR Code. Nesse caso, a etiqueta QR diz respeito ao marcador no mundo físico — a aplicação que lê a etiqueta funciona como uma espécie de porta de entrada ao software que fornece o conteúdo — e o GPS é uma espécie de “olho” desse sistema. Afinal, é ele que indica o local em que o utilizador está.

Para o utilizador, é preciso duas coisas: uma câmara, como a do telemóvel, e uma app específica. Assim, o aplicação interage com a câmara e projeta informações virtuais no mundo real.

Como aplicar a Realidade Aumentada

Como já mostramos neste artigo, a Realidade Aumentada possibilita inúmeras aplicações e caminha nas mais variadas direções. Um dos seus principais campos de “atuação” é no marketing. A ideia é que os consumidores interajam com os produtos e, assim, tenham a percepção de que ele está mais próximo.

Isso quer dizer maior fidedignidade ao produto. A apresentação através de diversas formas, tamanhos e utilizações contribui para que o cliente tenha uma visão muito próxima do produto real, o que aumenta o seu interesse em realizar a compra.

Ebook Branding PT | E-goi

A indústria automotiva, por exemplo, é uma que vem explorando bastante o universo da RA e, com isso, aumentando as suas possilidades de obter mais vendas.

Na área da medicina, a Realidade Aumentada tem contribuído para diversos avanços. Através dela, é possível projetar modelos do corpo humano, assim como os seus sistemas e órgãos, o que possibilita estudos mais precisos.

Também pode auxiliar numa simulação de operação, o que pode ajudar os médicos a ter mais êxito nos seus procedimentos.

Na educação, a tecnologia tem motivado e estimulado os estudantes. A interação da RA possibilita, por exemplo, que alunos de diferentes línguas e culturas troquem conteúdos e informações, o que amplia a aprendizagem e traz inúmeros benefícios a todos os envolvidos.

Em relação aos jogos, como não poderia deixar de ser, o trabalho de RA é cada vez mais explorado. Jogos que misturam o virtual com o real estão a “fazer a cabeça” de adolescentes e adultos em todo o mundo.

Mais um exemplo de aplicação da Realidade Aumentada é na cultura. É possível ter acesso a mais dados e informações sobre obras, autores e inserção em contextos históricos, o que enriquece a experiência. Na Alemanha, por exemplo, existe uma aplicação que possibilita que a pessoa viaje no tempo e reveja cenas histórias com a ajuda da RA.

Porquê aplicar a Realidade Aumentada nas empresas

São vários os motivos para aplicar a Realidade Aumentada nas empresas. Um dos principais é devido ao crescente número de acessos à internet através dos smartphones. Os dispositivos móveis, praticamente, tornaram-se extensões dos corpos das pessoas.

Além disso, a versatilidade da tecnologia para o marketing digital oferece cada vez mais oportunidades de negócios. Através da RA, a empresa pode criar campanhas mais criativas e inovadoras. É possível, por exemplo, que o consumidor veja preços e dicas de como usar um produto.

A Realidade Aumentada apresenta um mundo de possibilidades e pode mudar o futuro em diversos aspectos das nossas vidas. Sem dúvida, muita coisa tem vindo a ser feita e é bem provável que ainda venhamos a mudar muito em relação à forma como nos relacionamos, como gerimos o tempo e compreendemos a realidade.

Se gostou do texto, partilhe-o nas suas redes sociais e reforce a importância deste assunto para o nosso futuro!

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.