Marketing automotivo: conheça 7 estratégias de marketing digital para este setor

Assim, como em outros nichos, o marketing automotivo vem passando por modificações nos últimos tempos. A principal delas diz respeito a uma adaptação à nova jornada do consumidor.

Marketing automotivo: conheça 7 estratégias de marketing digital para este setor | E-goi

Afinal, hoje em dia, quem decide comprar um carro passa pelo menos 60% do tempo de compra em pesquisas na internet. Além disso, a compra de automóvel online já é uma realidade.

Outra particularidade do setor é o fato de que as vendas podem acontecer tanto no cenário B2C, em que o comprador é o cliente final; como no B2B, em que as negociações são feitas em prol de outras empresas.

Assim, é importante traçar uma estratégia de marketing digital para concessionárias que contemple ambos os casos. Quer conhecer algumas delas? Então continue com a gente e confira!

1. Redes sociais

Atualmente, uma página nas redes sociais é fundamental para a criação da presença online. Como o seu cliente em potencial vai achá-lo se você não estiver no mesmo lugar que ele?

É importante identificar quais os canais mais populares entre seu público e entender a forma como eles se utilizam da plataforma. Além disso, a concorrência também já está online, e é sempre válido observá-la para a criação de um benchmarking. 

Entretanto, tenha em mente que abrir perfis nas mais diferentes redes sociais não é o suficiente. É preciso entregar um conteúdo de qualidade, incentivar o engajamento para aumentar a sua relevância e criar um canal de atendimento que realmente funcione.

Calendario Marketing E-goi

2. Google Adwords

Como muitas compras automobilísticas começam por uma pesquisa online, anunciar no Google Adwords também pode ser uma forma de trazer visibilidade ao seu negócio. Uma das vantagens de investir nesse tipo de mídia paga é a possibilidade de segmentar as campanhas e encontrar um público mais especializado.

As segmentações podem considerar tanto questões demográficas, privilegiando as características da sua persona; como também atuarem de forma geolocalizada. Assim, você pode apresentar os seus serviços a alguém que pesquisar “comprar carro” nas proximidades do seu negócio, por exemplo.

3. E-mail marketing

O uso do e-mail marketing é uma estratégia de marketing digital com um dos melhores custos-benefícios da atualidade. Por meio de ferramentas de automação, que muitas vezes oferecem planos gratuitos, é possível realizar múltiplos contatos simultaneamente.

Aqui, a segmentação também é possível, mas ela costuma funcionar melhor quando associada a estratégias de relacionamento. Dependendo dos serviços oferecidos pela sua concessionária, você pode agendar o envio de e-mails que façam o cliente voltar a fechar negócio com você. Por exemplo: é possível lembrá-lo sobre o momento de uma revisão ou manutenção.

Outro aspecto que merece a segmentação é considerar o estágio do seu cliente no funil de vendas. Oferecer conteúdos e nutri-los de forma adequada pode trazer uma grande vantagem competitiva, além de levar esse lead ao setor de vendas, quando ele já estiver mais preparado para isso. 

4. Blog

A criação de um blog surge como estratégia complementar aos anúncios no Google. Por meio do SEO, é possível ganhar relevância em buscas online de maneira orgânica. Para ter sucesso nessa empreitada, porém, é preciso trabalhar com conteúdos ricos.

Você pode investir em materiais educativos, tirar as principais dúvidas do seu cliente e, assim, agregar valor à sua marca por meio da criação de credibilidade. Nesse caso, então, vale apostar em diferentes conteúdos: dicas em texto, quizzes que gerem interação, vídeos educativos e por aí vai. 

Você também pode pensar em e-books ou landing pages que auxiliem na captação de novos leads. A dica, aqui, é conhecer sua persona a fundo e mostrar o tanto que só você e seu negócio conseguem resolver as dores mais profundas dela. Assim, o lead certamente vai oferecer as informações de contato em troca do conhecimento que sua empresa pode oferecer.

5. Classificados online

Como falamos anteriormente, a compra e venda de carros online já é uma prática comum e que a cada dia ganha mais adeptos. Engana-se quem pensa que apenas alguém vendendo o próprio carro pode se beneficiar de marketplaces, como OLX ou Mercado Livre.

Um marketing digital para concessionárias estratégico consegue contemplar a criação de perfis até mesmo nesses canais. Além de revendas automobilísticas, quem trabalha com a comercialização de peças, outros itens e/ou serviços também pode cavar um espacinho no mundo digital por meio dessa estratégia.

6. Storytelling

Contar histórias é uma forma de engajar o público, criar vínculos e estreitar laços. Você aproxima sua marca do seu cliente e ainda pode transmitir valores do seu negócio — especialmente porque essa técnica não foca tanto em produtos.  

O storytelling pode ser colocado em prática nos mais diversos formatos: textos, fotos, podcasts, etc. Porém, é por meio dos vídeos que essa técnica costuma trazer os melhores resultados. Esse formato é mais compartilhável, além de utilizar diferentes recursos (como edição e efeitos visuais e sonoros) para contar uma história da melhor forma possível.

7. Boca a boca digital

O marketing boca a boca ainda deve ser considerado por empresas que buscam fidelizar seus clientes. Esses, por sua vez, recomendam os serviços recebidos a amigos e familiares, por exemplo. Um dos principais motivos de investir em um conteúdo relevante e trazer um atendimento de qualidade no ambiente digital é pensar que o boca a boca também acontece online — comumente, com uma repercussão ainda maior.

Um comentário negativo sobre sua empresa pode repercutir em páginas como Facebook e Reclame Aqui, por exemplo, e facilmente manchar uma reputação duramente construída. Saiba a hora de se desculpar, assumir erros e ser transparente para reduzir danos sempre que possível.

Todas as dicas apresentadas aqui certamente funcionam melhor em conjunto. Entretanto, independentemente das estratégias de marketing automotivo que você adotar, é importante lembrar que a venda não acaba quando termina.

Parece confuso? A gente explica! Os consumidores estão cada vez mais exigentes, por isso, é interessante pensar no relacionamento e no pós-venda. Afinal, o ideal sempre deve ser a fidelização desse cliente. Algumas das estratégias que trouxemos já podem ajudar nesse sentido, como o envio de e-mails marketing segmentados.

Quer continuar aprendendo sobre marketing digital para concessionárias? Então veja como escolher o melhor canal para o seu negócio.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.